Raro caso de trombose venosa cerebral apresentando-se com cefaleia e alucinações visuais

Authors

  • Rafaela Ianisky Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Thaise Wrubleski Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Jean Tafarel Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Maria Figueroa Magalhães Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Vitor Dias Pontifícia Universidade Católica do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.48208/HeadacheMed.2020.Supplement.33

Keywords:

Português

Abstract

Introdução
A trombose venosa cerebral (TVC) é uma forma rara de acidente vascular cerebral, mais prevalente entre as mulheres. Seu diagnóstico, muitas vezes, é desafio clínico devido aos seus variados padrões de apresentação; por essa razão, pode ser negligenciado não apenas por médicos gerais, mas também em alguns casos por neurologistas. Vários sintomas, incluindo dor de cabeça grave, visão anormal, desmaio ou perda de consciência, fraqueza da face, membros e convulsões podem ocorrer. Embora possa ser apresentada com diferentes sintomas neurológicos, na TVC normalmente não ocorrem alucinações.
Relato de Caso
Um homem saudável de 59 anos foi internado com queixas de episódios recorrentes de dor de cabeça no último mês e subsequentes alucinações visuais, especificamente prosooometamorfopsia - ele relatou ter visto imagens distorcidas de rostos e objetos. Não foi associado a nenhuma reclamação sensorial ou motora. O exame médico e neurológico geral na admissão estava intacto, incluindo estado mental, exame fundoscópico, nervos cranianos, motor, sensorial, coordenação e reflexos. Ele não tinha meningismo. O exame de sangue revelou uma alteração na proteína C-reativa (9,4 mg/L) e o líquido cefalorraquidiano apresentou apenas pleocitose linfocítica. Realizada a tomografia computadorizada de crânio que mostrou uma lesão cortical hipodensa mal definida na região temporal e occipital direita. A ressonância magnética confirmou a presença de trombose venosa cerebral nos seios sigmoides e transversais. Paciente foi tratado com heparina de baixo peso molecular seguido de varfarina, mas as alucinações visuais permaneceram. Optou-se por iniciar corticosteroide. Após excelente recuperação dos sintomas, em uma investigação mais aprofundada para trombofilias, ele foi considerado positivo para a mutação no gene da protrombina. O paciente assinou o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido e foram utilizados apenas prontuários médicos para a elaboração desse relato.
Conclusão
Por essa razão, as ilusões devem ser adicionadas ao já amplo espectro de apresentação clínica da trombose venosa cerebral. Esse diagnóstico pode ser considerado, ainda, em pacientes que apresentam alucinações auditivas e visuais súbitas, particularmente no contexto de cefaleia e com fatores de risco convencionais para trombose venosa cerebral.

Downloads

Download data is not yet available.

Downloads

Published

30/11/2020

How to Cite

1.
Ianisky R, Wrubleski T, Tafarel J, Magalhães MF, Dias V. Raro caso de trombose venosa cerebral apresentando-se com cefaleia e alucinações visuais. HM [Internet]. 2020 Nov. 30 [cited 2021 Sep. 16];11(Supplement):33. Available from: https://headachemedicine.com.br/index.php/hm/article/view/118

Issue

Section

Abstracts

Similar Articles

1 2 3 4 5 6 7 > >> 

You may also start an advanced similarity search for this article.

Most read articles by the same author(s)