Comprometimento da organização sensorial em pacientes com migrânea com e sem aura e migrânea crônica - estudo controlado

Authors

DOI:

https://doi.org/10.48208/HeadacheMed.2021.Supplement.26

Keywords:

Transtornos de Enxaqueca, Fenômenos Biomecânicos, Equilíbrio Postural.

Abstract

Introdução

A literatura sugere que os déficits de equilíbrio observados em pacientes com migrânea estão relacionados à presença de aura e alta frequência de crises. Além disso, sintomas vestibulares também são altamente prevalentes nesses pacientes. Do ponto de vista neurofisiológico, a contribuição de cada um dos sistemas que controlam o equilíbrio ainda não é conhecida nestes pacientes.

Objetivo

Investigar se pacientes com diferentes subtipos de enxaqueca apresentam comprometimento da organização sensorial do equilíbrio, em contraste com indivíduos sem cefaleia.

Material e Métodos

Estudo transversal, que avaliou mulheres entre 18 e 55 anos. Pacientes com diagnóstico de migrânea foram distribuídos em três grupos: migrânea com aura (n = 30), migrânea sem aura (n = 30) e migrânea crônica (n = 30). Mulheres sem dor de cabeça formaram o grupo controle (n=30). A avaliação do equilíbrio foi realizada com o Teste de Organização Sensorial (TOS). Provas de função vestibular foram realizadas em todas as participantes. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa (CAAE 62695916.5.0000.5440).

Resultados

O escore final do TOS e os escores referentes a cada sistema sensorial foram comparados entre os grupos com modelo linear multivariado (p<0,05). O escore final do TOS foi menor nos pacientes com migrânea em relação aos controle, e naqueles com aura e migrânea crônica em relação aos migranosos sem aura (p<0,05). Pacientes com aura e migrânea crônica apresentaram maior comprometimento dos sistemas vestibular e visual, e os com aura também do sistema somatossensorial (p<0,05). Não houve diferença entre os grupos quanto às provas de função vestibular (p>0,05).

Conclusão

Apesar da ausência de diferenças nos testes otoneurológicos, a presença de aura e maior frequência de crises de cefaleia estão relacionadas ao comprometimento do equilíbrio com a manipulação dos estímulos sensoriais. Os sistemas vestibular e visual devem ser considerados no atendimento clínico.

Downloads

Download data is not yet available.

Downloads

Published

12/11/2021

How to Cite

1.
Pinheiro CF, Carvalho GF, Moraes R, Barros CGC, Dach F, Bevilaqua-Grossi D. Comprometimento da organização sensorial em pacientes com migrânea com e sem aura e migrânea crônica - estudo controlado. HM [Internet]. 2021 Nov. 12 [cited 2021 Dec. 1];12(Supplement):26. Available from: https://headachemedicine.com.br/index.php/hm/article/view/523

Issue

Section

Abstracts

Most read articles by the same author(s)

1 2 3 > >>