Influência da infecção por Covid-19 na funcionalidade da cervical em indivíduos com cefaleia

Authors

DOI:

https://doi.org/10.48208/HeadacheMed.2021.Supplement.18

Keywords:

Covid-19, Functionality, Cervical, Headache

Abstract

Introdução
Em março de 2020, a Covid-19 foi caracterizada como uma pandemia. O SARS-COV-2 é altamente infeccioso, podendo gerar complicações e sequelas graves. Um de seus sintomas principais é a cefaleia, tendo como característica dor e limitações na mobilidade da cervical. Objetivo
Analisar a influência da infecção por Covid-19 na funcionalidade da cervical em indivíduos com cefaleia.
Material e Métodos
 Estudo transversal, quantitativo, realizado no setor de fisioterapia do Núcleo de Atenção Médica Integrada, da Universidade de Fortaleza, no período de maio a agosto de 2021, em indivíduos acima de 18 anos, ambos os gêneros, com diagnostico de cefaleia há pelo menos 6 meses e exclusos os fibromiálgicos, com distúrbios neurológicos e em uso de analgésico. O instrumento de coleta abordou: dados sociodemográficos, características da cefaleia, infecção por Covid-19 e o Neck Disability Index (NDI), específico para avaliar a capacidade funcional cervical. Aprovado com parecer nº 4.618.892. Resultados
Participaram 37 indivíduos com idade média de 28,95 ± 12,18, com predomínio do sexo feminino (83,8%) e cefaleia de intensidade moderada, segundo a Escala Visual Analógica. Confirmaram a positividade da Covid-19, 13 indivíduos e destes 11 sentiram dor de cabeça durante a infecção. Segundo o NDI, 25 participantes apresentaram “incapacidade mínima”, destes 10 tiveram Covid-19, seguido por 6 indivíduos com “incapacidade moderada”. Ao relacionar a infecção por Covid-19 com a capacidade funcional da cervical, verificou-se que não houve associação significante. Porém, ao correlacionar a intensidade da cefaleia e a funcionalidade da cervical observou associação significante (p < 0,01). Os dados foram analisados pelo software estatístico SPSS.
Conclusão
Não obteve relação concreta de que a infecção por Covid-19 prejudicou a funcionalidade da cervical, porém vemos a prevalência da cefaleia durante a infecção. Existe correlação da intensidade da cefaleia com a capacidade funcional da cervical.

Downloads

Download data is not yet available.

Downloads

Published

03/11/2021

How to Cite

1.
Moreira LA, Marinho AMM, Souza A de M e, Almeida CR de, Freire JB, Fontenele TM de O, Rela M de OV. Influência da infecção por Covid-19 na funcionalidade da cervical em indivíduos com cefaleia. HM [Internet]. 2021 Nov. 3 [cited 2021 Dec. 1];12(Supplement):18. Available from: https://headachemedicine.com.br/index.php/hm/article/view/485

Issue

Section

Abstracts

Most read articles by the same author(s)